terça-feira, 2 de agosto de 2016

versete

Felicidade é um rompante,
uma sensação atrevida,
de a gente, por um instante,
cheirar o cangote da vida.


terça-feira, 26 de julho de 2016

No desengano de mais uma segunda,
infiltrada de chuva e de cansaço,
vou dormir amortalhado de silêncio.










terça-feira, 15 de março de 2016

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

7x - 2 = 0

Havia o acordar segunda,
Para a rotina indistinta;
Também terça, quarta e quinta,
Havia de trabalhar.

Do mesmo modo na sexta,
Mas nessa ainda havia a estrada,
Mais feliz do que cansada,
Pois no sábado a via.

A via também domingo,
E mesmo com a despedida
Frenquentemente doída,
Toda a semana valia.


quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Devoto

Na boca

Principia

A romaria.


Sem pressa

A senda

Do pescoço

Desço.


Caminhos que

Percorro, sei-os,

E mais aprendo

A cada passagem.


Umbigo, parada,

Cacimba seca

Da estrada.


Pela ribanceira,

Mata rasteira

No alto e na beira

Da grota,


Deleitosa fonte

A ser saciada.


Ajoelho e rezo,

Sem espalhafato,

Mas com virtuosa

Falta de recato.

sexta-feira, 19 de junho de 2015

Anti-analgesia

Suas dores:
As sinta;

Não segure o choro;

Não se anestesie;

Viver é o sentido,

Na alma
E nas tripas.






quinta-feira, 4 de junho de 2015

Inércia

Dado o impulso,
Cessa o repouso.

A despeito
Do horário,
Do sono,
Do corpo imóvel,

Os pensamentos correm
Como os ratos no forro.